Ghilad Dziesietnik foi nomeado como o primeiro diretor de tecnologia (CTO) da EFI em 2005, contribuindo para o sucesso da EFI em várias funções desde que entrou para a empresa em 1995. Ghilad atuou por muito tempo como arquiteto da estratégia de tecnologia da EFI, e sua liderança visionária permitiu à EFI expandir-se além da herança do Fiery para ser inovadora nas tecnologias de impressão, de servidores de impressora digital a cores a software de automatização dos negócios e jato de tinta.

Ghilad tem mais de trinta anos de experiência inestimável no setor de tecnologia. Antes de sua função como CTO, ele era vice-presidente sênior da EFI e gerente geral de negócios da VUTEk na EFI e vice-presidente sênior/gerente geral de negócios de APPS (software profissional avançado de impressão) na EFI. Ele também foi vice-presidente de fluxo de trabalho e tecnologia de impressão profissional da EFI e o primeiro vice-presidente de tecnologias centrais da empresa. Antes disso, atuava como diretor sênior de tecnologias centrais e diretor de tecnologia de imagem e PDL da EFI.

Por suas grandes contribuições para o desenvolvimento técnico e científico da indústria das artes gráficas, particularmente por suas muitas patentes e avanços tecnológicos na impressão digital e na arena de impressão de dados variáveis, Ghilad recebeu a prestigiosa medalha Robert F. Reed Technology de 2005 da Printing Industries of America/Graphic Arts Technical Foundation (PIA/GATF).

Em 2000, Ghilad foi eleito presidente da PODi, uma iniciativa estratégica não lucrativa focalizada em propagar a tecnologia e os serviços digitais de impressão e conduzir à evolução da infraestrutura digital da impressão promovendo interoperabilidade por meio de padrões.

Vindo para a EFI, Ghilad aproveitou sua experiência prévia como diretor sênior de engenharia de software na QMS, engenheiro sênior de pesquisa na Xerox/Impact, gerente de software na Paradigm Geophysics e engenheiro de software sênior na Scitex Corporation.

Ghilad possui E.E. e M.S.C em engenharia elétrica pela Universidade de Telavive, Israel.